Nota do DCE: PELA REDUÇÃO DOS PREÇOS DOS COMBUSTÍVEIS, DEFESA DA PETROBRÁS E DA DEMOCRACIA!

Os estudantes e a juventude têm a sua digital impressa nas mais importantes lutas travadas pelo povo brasileiro. Fomos às ruas defender o Brasil e a garantia de uma empresa estatal extrair e administrar as riquezas oriundas da exploração do petróleo brasileiro. Disputamos a narrativa e garantimos uma grande vitória para a nossa gente, com a campanha O PETRÓLEO É NOSSO! Assim foi criada a PETROBRAS.

Mais recentemente, esta estatal que se tornou uma das maiores empresas do mundo, muito competitiva do ponto de vista energético, desenvolve tecnologia de ponta e descobre em território nacional gigantescas jazidas de petróleo na camada chamada “Pré-Sal”.
Mais uma vez o movimento estudantil, e a juventude brasileira de norte a sul mobilizaram a sociedade e garantiram que 50% do Fundo Social do Pré-Sal e 75% dos royalties do petróleo fossem destinados para a Educação.
Com estes recursos teríamos condições materiais de superar as profundas contradições históricas do nosso país. Elevar o patamar da educação básica, transformar para melhor a escola pública brasileira, e investir na UNIVERSIDADE PÚBLICA, GRATUITA E DE QUALIDADE!

Hoje todo esse horizonte está ameaçado. Inicialmente com a escalada golpista que levou ao centro do poder político o ilegítimo Michel Temer, e um bando de entreguistas e vendilhões da pátria, que desrespeitaram a soberania do voto popular e usurparam o poder da Presidenta eleita Dilma Rousseff. Imediatamente aprovaram a Emenda Constitucional 95 que impede investimentos em Educação, Saúde e áreas estratégicas para o desenvolvimento.

Logo após, aprovam uma reforma trabalhista imoral e desumana que rasga a CLT e precariza o trabalho. E como se não bastasse, implementa na Petrobras, através do entreguista Pedro Parente, que esteve a frente do apagão no governo FHC, uma política de desmonte e entrega de nossa maior empresa aos interesses do capital estrangeiro, com a venda das plataformas marítimas, a subutilização das refinarias nacionais diminuindo a sua produção, aumentando a demanda de importação de combustíveis, atrelando-os a uma política de preços regida ao bel prazer do “Deus Mercado” e às oscilações do dólar, repassando de forma automática para o consumidor. Mais uma vez as elites querem vender o patrimônio brasileiro ao mercado insano e insaciável por lucros.

A greve deflagrada pelos caminhoneiros nos últimos dias, denuncia a impopularidade desta agenda golpista; Sem força no congresso o governo usurpador continua prejudicando a população através do sucateamento da Petrobras e da Eletrobras.
Neste momento os estudantes, a juventude, o povo brasileiro se une pela estabilidade econômica e pela retomada da democracia, exigindo eleições livres e diretas já!

FORA TEMER! FORA PEDRO PARENTE!
A PETROBRAS É DO POVO BRASILEIRO!
ELEIÇÕES LIVRES E DIRETAS, JÁ!

DIRETÓRIO CENTRAL DOS ESTUDANTES DA UNIVASF
DCE UNIVASF
29 de Maio de 2018

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: